QUINTA, 21 DE OUTUBRO DE 2021|CONTATO

​No último domingo (17), o Centro de Convenções Rebouças do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP participou do momento histórico do início da vacinação em combate ao coronavírus no país, ao ser palco da primeira brasileira a ser vacinada - Mônica Calazans, 54 anos, enfermeira da UTI do Instituto de Infectologia Emílio Ribas

Segunda, 18 de janeiro de 2021


No último domingo (17), o Centro de Convenções Rebouças do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP participou do momento histórico do início da vacinação em combate ao coronavírus no país, ao ser palco da primeira brasileira a ser vacinada - Mônica Calazans, 54 anos, enfermeira da UTI do Instituto de Infectologia Emílio Ribas.

Uma megaoperação foi montada no Rebouças com o objetivo de imunizar e dar assistência a 30 mil profissionais do HC a partir de hoje (18), em uma área de 1.500 m² - das 7h às 19h.

Após a aprovação da Anvisa pelo uso emergencial da Coronavac, o Governo de São Paulo anunciou o programa de vacinação em todo o Estado.